03 novembro 2008

"Mad" Sarah - Epilogue

Brevemente chegará ao fim a aparição de Sarah nas nossas vidas diárias.
Tão rapidamente quanto chegou, "Mad" Sarah e o seu obnoxious piscar de olho, o seu discurso recheado de humor involuntário, a sua visão supersónica da Rússia além estreito de Bering, as suas gaffes permanentes, a sua permanente, os seus óculos e o seu tailleur desaparecerão do nosso universo mediático.
Por agora.
Contive-me durante algum tempo em voltar a escrever sobre a candidata fantoche a um lugar fantoche nesta fantochada que se tornou o ticket republicano, sobretudo para que este blog não se tornasse um mero panfleto político, mas agora que o fim está tão perto como o Alaska está das terras soviéticas pareceu-me indicado voltar à carga para um epílogo final.
Nos derradeiros soluços de uma campanha soluçante, descobriu-se que Palin gastou mais de 150.000 dólares em guarda-roupa para si e sua família para poder andar condignamente a representar o mito da hockey mom pronta para tudo. Será que o puto imberbe lançado para a ribalta e para a paternidade foi agraciado com algum desse financiamento? Fiquei curioso. E 150.000 dólares para aquilo? É tempo de irem ao fashion adviser ali para os lados do Montijo.
"Mad" Sarah que tão orgulhosamente caça e, espante-se, esfola alces (provavelmente também lhes come o coração ainda quente, mas isso já é a minha mente atribulada a especular) foi apanhada numa chamada telefónica de um humorista canadiano que se fez passar pelo presidente francês Nicholas Sarkozy a convidá-lo alegremente para uma caçada quando se encontrassem. Revelou igualmente a sua hidden agenda ao desvendar que quer ser presidente dos Estados Unidos dentro de oito anos, pelo que me reservo o direito de abandonar o planeta terra em 2016 caso Sarah seja eleita pelo estupidificado povo americano. Pior do que as suas intenções, revelou o óbvio: que os próprios republicanos estão descrentes numa vitória e de que Palin tem, como aliás comprova o seu passado político, o nefasto hábito de morder a mão que a alimentou.
Fruto dessa cresente descrença, nos últimos tempos assistiu-se também a uma sombria guerrilha de bastidores com o staff de Palin e McCain a atirarem-se culpas pelo falhanço das suas candidaturas. Nos headquarters das campanhas tem-se sobretudo testemunhado o envio permanente de curriculums pessoais e a consulta de site de empregos agora que o sonho terminou.
De Palin ficará para já a memória de nada, de uma personagem que passou por nós como o Speedy Gonzalez para nos alegrar a paísagem e os sorrisos, vazia de conteúdo, cheia de nada, repleta de clichés e de insinuações, de Joes Six Pack ou de Joes the plumbers. Da sua política e das suas propostas nada restará também a não ser talvez uma bocejante e perigosa ideologia de uma América receosa e isolada do resto do mundo.
Depois disto tudo, será que voltaremos a ver a nossa querida Sarah? Para bem ou para mal, e com um ligeiro piscar do olho direito: You betcha!

5 Comments:

Blogger b said...

Vamos, lamento informar, mas vamos.

Ouvi dizer (notícia superhiper secreta), que a "nossa" "Mad" Sarah é nova protagonista da série "Weeds". Depois do brilhante fracasso numa saga que felizmente parece ter chegado ao fim, Sarah resolveu mudar de tácita e vai agora ser uma "Cool crazy Sa". Ao que parece, engordou 5 kilos e já só lhe cabem os fatos-de-treino comprados nos indianos à entrada do metro. É o que consegue comprar com o que ganha no seu novo emprego em part-time. Depois de compulsivas consultas no mais variados sites de emprego, conseguiu ser chamada para um restaurante de fast-food. Foi a solução que encontrou depois de lhe terem sido retiradas todas as regalias e ter ficado com um singelo salário base, que nem a renda lhe permite pagar. É como se diz, "welcome to the real world".

Sarah, a new Human is yet to come!

23:46  
Anonymous Anónimo said...

esfolar os alçes e o parvo do Rogeiro a dizer "oh!its fascinating...".
É fascinante mesmo esfolar alçes ou bambis..uma bela trip!
Como ja disse, a gaja é doida varrida e perigosa!

Já agora, pela primeira vez...que raio de musica é esta?R U mad?é pessima!Jimmy Sommerville?!
R U Gay?

cat(puré)

00:04  
Blogger G! said...

nos states tem uma nova alcunha: Sarahcuda! o que, como todo o predador, não augura nada de bom.

11:14  
Blogger G! said...

me no gay...

11:14  
Blogger G! said...

(not that there's anything wrong with it)

11:15  

Enviar um comentário

<< Home