08 outubro 2008

Um poder do caralho!

(post não recomendável a menores de 83 anos)
Em qualquer país, nada é tão forte na linguagem tradicional como um bom palavrão. O português não foge á regra.
Nada é tão claro, tão assertivo, tão forte, redutor ou finalizador como o jargão bem aplicado. Quando batemos com o dedo mindinho num dos pés da cama, estrategicamente colocado no nosso caminho, nada é mais forte do que um sonoro "FODA-SE!". Quando um arruaceiro arruma o carro num espaço que aguardávamos há dez minutos e se recusa a sair, nada é tão sentido como um "VAI LEVAR NO CÚ!!". Quando furamos um pneu a caminho de uma reunião importante quando já estavamos atrasados, que expressão definirá melhor o momento do que um sonoro "CARALHO!!!". Se um louco à solta pelas estradas deste país quase nos assassina na passadeira, nenhum termo é melhor aplicado do que o tradicional e dirigido "VAI TA FODER!". E quando um zeloso e aplicado funcionário da EMEL nos multa por um lapso temporal de cinco minutos, o que saberá melhor do que o confrontar olhos nos olhos com um aguerrido "PUTA QUE TE PARIU!".
O palavrão, vulgo caralhada, é mutlifacetado no seu propósito: tanto pode ser aplicado nos maiores elogios como em insultos infâmes. Pode dizer-se "TÃO BOA, CARALHO!" numa alusão à constituição física avantagada feminina como "É FEIA PRA CARALHO!" no seu total oposto, ou igualmente tanto é válido afirmar "O GAJO NÃO TEM ONDE CAIR MORTO, FODA-SE!" como "O GAJO GANHA BEM PRA CARALHO, FODA-SE!" sem que o contexto frásico esteja errado.
De qualquer forma todos nós, na intimidade reclusa da nossa mente, pragejamos com um à vontade do caralho, se me permitem. Quem de nós não exclamou já dentro de si um silencioso "ESTÁS A OLHAR PARA ONDE FILHO DA PUTA!" ou um mudo "VOLTAS A REPETIR ISSO E VAIS VER O QUE TE ACONTECE CARALHO!".
O poder do palavrão é portanto, por analogia e definição, um poder do caralho! Sabe bem soltá-lo, alivia o stress de forma imediata (não é por acaso que em muitos cursos de afirmação pessoal se começa por uma sessão de palavrões à desgarrada) é sincero, sentido e verdadeiro, e pode ser usado em qualquer ocasião, desde a mais distinta à menos nobre.
Numa sociedade moderna e contida, recomendo que use o palavrão com assiduidade, embora com a moderação que o seu próprio bom-senso determinar. Não é, por exemplo, de bom tom mandar "À MERDA, PUTA DO CARALHO!" a velhota que se arrasta a 2 Km/hora na passadeira, recomendar "VAI ENFIAR UM PAU DE BICOS NA PEIDA, FILHO DA MÃE!" ao patrão que delicadamente lhe pediu para apagar o cigarro na sala de reuniões, nem tão pouco sublinhar "TENS UM HÁLITO MATA-RATOS, FODA-SE!" ao seu colega com halitose crónica ou problemas gástricos repetidos.
Recomenda-se portanto, mas use o seu poder de discernimento, cuidado e ponderação quando quiser insultar alguém. Não se esqueça que o insulto tem um poder arrasador, na proporção inversa da sua satisfação pessoal.
P.S. Deu-me um gozo do caralho escrever este post.

9 Comments:

Blogger b said...

E eu preocupada com os "bués" da minha filha...! LOL!!!

01:15  
Blogger purita said...

nós cá em cima fazemo-lo como ninguém!também acredito no poder libertador do palavrão, sobretudo no trânsito!

08:45  
Blogger G! said...

b, o "bués" não é um palavrão por si, antes um jargão jovem. de qualquer forma, acho importante educar os filhos a não dizerem palavrões, a sociedade encarrega-se de os ensinar.

ezequiel, não me estavas a ver, mas escrevi. um bocado para fugir aos temas políticos que têm pululado no Planeta de Macacos

purita, podem dizer como ninguém, mas um "caralho!" parece-me mais forte do que um "carago!"

10:55  
Blogger b said...

Claro, sei disso, devia ter escrito "E eu preocupada com o jargão jovem da minha filha"...:o).

Quanto aos temas políticos que têm pupulado o Planeta de Macacos, aliás como todos os restantes, confesso gostar muito de lê-los! Bom blogue para se vir "passear". Por favor continua!

13:38  
Blogger ME said...

e há toda uma outra vertente do palavrão igualmente interessante e libertadora...os que se dizem na cama!

15:52  
Blogger G! said...

hummm.....sim, mas isso já é entrar na intimidade profunda de cada um...

19:08  
Blogger purita said...

mas isso de que nós dizemos carago é mito..é caralho mesmo!:D o carago é só para ser pitoresco!

14:40  
Blogger G! said...

pois....aposto que dizem: "Carago...Caralho!"

15:28  
Blogger Bluedog said...

GandaGonçalonoseupiormelhor. TALVEZ UM DIA TAMBÉM CONSIGA ESCREVER UM POST COMO ESTE, IMAGINO O GOZO QUE TE DEU.....C_ _ _ _ _ _ !!!!!!!

12:43  

Enviar um comentário

<< Home