02 abril 2007

Animais

Eu sou grande adepto de futebol, mas é raro falar desse fenómeno aqui no meu cantinho, até porque convivo com ele diariamente. Para mim o futebol é uma paixão saudável, um desporto alegre em que se confrontam equipas leais e competitivas. Infelizmente, nem sempre é assim.
Ontem fui ao Estádio da Luz ver o empate entre o Benfica e o Porto, mas o que mais me marcou foram as cenas lamentáveis de violência completamente gratuita por parte de adeptos do Porto, sobretudo, mas igualmente do Benfica.
Antes de começar o jogo, já uma das claques organizadas do Clube da luz vandalizava carros, atirava garrafas aos elementos da segurança, insultava tudo e todos, até que foram corridos por uma carga policial forçada que levou tudo à frente. Uma autêntica vergonha, umas verdadeiras bestas.
No interior do Estádio, a claque do Porto ficou instalada no Piso 3 do Estádio e os problemas não tardaram a chegar. Foguetes atirados para o Piso 0 apanhando os Sócios e adeptos do Benfica desprevenidos. Ao todo, durante o encontro foram 9. Após o golo do Porto, vôou uma cadeira para partir a cabeça de um adepto. Foi assistido e levou 3 pontos, alguns mais ficaram feridos. Pelo meio foram atirados isqueiros e moedas e, pasme-se, telemóveis para o autêntico desespero dos benfiquistas que se encontravam mais abaixo. A polícia tardou em intervir, mas deteve 3 adeptos do Porto, de entre os mais de 3.000 que estiveram na Luz. Uma autêntica vergonha, uns verdadeiros animais.
A P.S.P. que se diz sempre pronta a tudo, ontem falhou em toda a linha.
Para mim é um problema de fácil resolução: acabar com a presença das Claques fora dos seus Estádios. As claques seriam proibídas de entrar em Estádios que não fossem das sua equipa respectiva. Solução simples para um problema grave. Toda gente sabe que os problemas veem das claques por isso é bani-las dos estádios visitados.
Ontem o futebol ficou mais pobre.

7 Comments:

Blogger bublicious said...

G!,

Concordo com tudo o q dizes! Mas há uma coisa q ontem me pegruntava... sabendo todos os problemas q as claques são e trazem, pq carga de água a claque do Porto estava naquele nível... por cima dos Benfiquistas??? Não seria de esperar q algo de menos bom acontecesse???... Não percebi... não entendo como é q o Benfica coloca deliberadamente e conscientemente os seus adeptos em tal situação... acho vergonhoso... sim, pq era óbvio demais o q se iria passar... enfim...

bjnh

19:46  
Blogger G! said...

também concordo, mas em jogos de maior importância como o Benfica x Manchester, Benfica x Celtic, Benfica x Liverpool, os respectivos adeptos também ficaram instalados exactamente no mesmo local, sem que se tivesse verificado um único problema, um único! E estamos a falar de adeptos históricamente violentos. Os do Porto foram verdadeiros animais.

Estes países (Escócia e Inglaterra) têm vindo a fazer um trabalho notável contra o hooliganismo, sendo inclusive as suas equipas proibidas de participar em competições europeias durante 5 anos após os incidentes no Heysel Park.

Por cá nada se faz: morre um adepto do Sporting no Sporting x Porto, nada; morre um adepto do Sporting no Benfica x Sportin para a Taça, nada; um adepto do Benfica é esfaqueado à volta do Estádio das Antas, nada.

Assim não vamos lá.

11:10  
Anonymous Anónimo said...

Fiquem em casa e partem o que e vosso!!!

Eu também partilho dessa tua opinião.
Não há bilhetes para ninguém. Por norma os clubes que recebem os outros tem que disponiblizar cerca de 5% da lotação do seu estádio, sob pena de pagarem uma pequena multa por não cumprirem com o que o que estipulado. Antes quero que o Benfica pague uma coisa irrisória, do que acontecer uma desgraça, porque depois não há dinheiro nenhum deste Mundo que traga devolta uma vida.
Quando lá formos, também não disponiblizem os tais 5% dos bilhetes, assim nós também não disponiblizamos mesmo que isso nós obrigue a pagar uma multa.
Mas sabes o que mais me aborrece e eles dizerem que tem direito aos tais 5% dos bilhetes(e têm por normas da liga)e depois vem para cá fazerem isto tudo.Se não há bilhetes eles não fazem o que fazem, porque para eles fazerem isto e preciso que muita gente seja complacente com este energumenos todos que nem ne selva sabem viver.
Só para teres uma ideia nem no chile iste se deve ver!!!!

Volta Pinochet que estas perdoado!!!!!!!

15:25  
Blogger G! said...

Pinochet, no teu tempo isto não se passaria, eram todos executados...

Abraço

15:34  
Blogger Patioba said...

Animais??????

Já viste algum animal a atacar gratuitamente?

10:45  
Anonymous Anónimo said...

Todos sabiam o que se ia passar...
Esta moda já não é nova, de há uns tempos para cá os elementos das claques do Porto vem para cá não para ver um simples jogo de futebol,mas para atacar quem pagou o seu bilhete e quer ver um bom espectaculo. Agora depois do que aconteceu, ja se movem inquéritos para aqui e para acóla, e no fim a culpa não é de ninguém. O exemplo mais flagrante é a própria entidade que organiza/gere o futebol em Portugal. Como é possivel virem uns obnóxios quaisqueres fazerem o que fizeram e a Liga multa-los com 1500 euros por causa dos desacatos, o clube anfitrião ser multado com mais 500 euros, isto é 2000?Eles fazem isto tudo e o seu clube paga menos enquanto quem não tem clupa de nada paga mais?Cheira-me a taxa do utilizador pagador. E depois querem tornar o futebol em Portugal melhor de que muitos outros Países....
Este derbies poddiam ser realizados no Chile, as portas esta~sempre abertas ( se calhar e melhor fechadas).

Pinochet anda por ai D.Purita

15:11  
Blogger Bluedog said...

O que vi no estádio da Luz é uma vergonha para a sociedade portuguesa, que anda a fingir que não é nada, apenas a violência mais ou menos controlada de uns rapazolas mal comportados.

Como na Luz, fiquei envergonhado há um ano em Barcelona com as obscenidades verbais e gestuais de adeptos do Benfica, quando do Barcelona - Benfica.

Para além do sugerido pelo G! e dado que os dirigentes dos clubes saem sempre a terreiro para acirrar os ânimos, defender os seus adeptos e culpabilizar os outros, sugiro uma medida que penso ser eficaz: cada vez que houver incidentes como os relatados e tantos outros, os dirigentes pagam uma multa no mínimo equivalente a dois ordenados mensais ( mordomias incluídas ) e os clubes ficam sem a receita dos dois jogos entre eles, da época em questão. A acrescer, as responsabilidades civis e criminais inerentes ao comportamento descrito.

Vão ver que resulta !

20:28  

Enviar um comentário

<< Home