07 julho 2005

Welcome to India

Ontem, a seguir ao lançamento de mais um excelente livro editado pela Mundos Paralelos, fui jantar a um restaurante indiano.

1. Eu até gosto de comida indiana, bem condimentada, saborosa, com uma mistura de sabores tão vasta quanto a mistura de cores existente no país de origem. O problema, para mim, é o "após-indiano". O meu estômago entra em convulsão quase instantânea, parece um vulcão do Hawai prestes a entrar em erupção, faz mais barulho que uma manada de elefantes indianos em debandada, enfim, Caos, Mayhem, Destruction. Claro que pelo meio só adormeci eram 5 da manhã, um pouco mais leve.

2. Estava eu alegremente a falar com a
Catwoman e o Johnnie Walker, entre outros, quando interroguei-me acerca de uma possibilidade: será que um vendedor de rosas indiano é expulso de um restaurante indiano? Mal tinha acabado de pronunciar estas palavras, entra um indiano com flores e a empregada de serviço, uma para 30 pessoas, "corre" literalmente para ele com um efusivo gesto que percebi significar "RUA!". Se há algum sítio onde eu pensaria que um Querfrô nunca fosse incomodado é um restaurante indiano!



(Sorry, hoje não tou muito inspirado, fui da noite mal passada)

5 Comments:

Blogger MIN said...

I Think I know Johnnie... don't i?

Espero que melhores depressa, pois tens que te preparar para agrande TRIP!

12:31  
Blogger Bufas said...

Isso do estômago é porque não comes aquele alpista do fim nem bebes o licor "oferta" da casa.

Abraços

Ok, admito que também dispenso o alpista.

14:13  
Blogger Catwoman said...

G!és o maior...se isto é falta de inspiração...gostei sobretudo da fotografia.

14:37  
Blogger G! said...

Min, é mais um dos meus irmãos, acho que conheces, começa por J e acaba em oão.

Bufas, alpista? oferta? não tive direito a nada de isso. confesso que me deu um certo aperto e uma certa pressa às tantas.

Cat, achas? de facto tava pouco inspirado. dedico-te a fotografia.

15:46  
Blogger Patioba said...

Experimenta um pastilha elástica e uma garrafita de água. A mim ajuda-me nesses momentos! Deixar de comer é que não ;)

16:13  

Enviar um comentário

<< Home